É HORA DE REVER O SEU NEGÓCIO? ENTENDA PRIMEIRO O QUE É VUCA!

nas categorias Gestão, Operação, em

 

Poucos empreendedores possuem familiaridade com a era VUCA. Tal sigla, expressa a complexidade da nossa sociedade contemporânea, devido à interdependência e a globalização. Situações que antes tinham pouco impacto, mas que agora refletem de forma rápida e em diversas esferas do negócio.

Cada letra da sigla VUCA, representa uma característica:

 

V = Volatilidade (volatility):

Significa a natureza, a velocidade, o volume e a magnitude da mudança que não se encontra num padrão previsível. A volatilidade é turbulência, um fenómeno que está a ocorrer com mais frequência que no passado;

 

U = Incerteza (uncertainty):

Significa falta de previsibilidade em assuntos e acontecimentos;

 

C = Complexidade (complexity):

Reflete as inúmeras causas difíceis de compreender e os fatores atenuantes (tanto dentro como fora da organização), que estão envolvidos num problema;

 

A = Ambiguidade (ambiguity):

Significa a falta de clareza sobre o significado de um acontecimento. Pode significar também as causas e os “quem, o quê, onde, como e porquê” por trás das coisas que estão a acontecer, que são difíceis e pouco claras de determinar.

 

Poucos empreendedores possuem familiaridade com o VUCA, mas em algum momento, todos precisarão analisar e talvez rever o seu negócio.

 

Este é um termo que vem sendo explorado e aplicado em grandes empresas e lideranças contemporâneas, que entenderam que a partir deste contexto, precisam encontrar alternativas mais rápidas eficientes de planejar, implementar, decidir e mudar. Isso impacta em novas soluções, ferramentas de gestão, pensamento sobre modelo organizacional, relação entre os colaboradores, processos menos burocráticos e mais inteligentes.

Tudo em prol de um monitoramento mais próximo, capacidade de tomadas de decisões rápidas, porém sem perder coerência e consistência.  A revisão do negócio e o seu dia a dia deve fluir e pode mudar mais rapidamente.

 

Neste cenário os empreendedores já possuem uma grande vantagem em relação às estas grandes empresas. Em sua grande parte são estruturas mais enxutas com equipes multidisciplinares.  Uma vez adotada a pauta do ambiente VUCA, com este perfil de estrutura, ganha ainda mais incentivo e força para testar novos modelos que o ajudem a lidar com os impactos do VUCA . Tais mudanças podem contribuir para:

 

1.Antecipar as questões que modelam as condições;

2.Compreender as consequências das questões e ações;

3.Avaliar a interdependência das variáveis;

4.Preparar-se para realidades e desafios alternativos;

5.Interpretar e abordar oportunidades relevantes.

 

Portanto amigo  empreendedor, aproveite o seu tamanho e adeque o seu negócio a era VUCA como código prático para a conscientização e prontidão.

Reveja e provoque o seu modelo com mais frequência. Não isole este tema e nem postergue. Tenha ele no seu dia a dia.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *